Estilo de vida saudável

Por Lucie Ferreira

Cada vez mais, estudos comprovam que a prática de atividades físicas traz benefícios à saúde, independentemente da idade ou do sexo. Mas não é preciso criar um sentimento de obrigação para se dedicar a algum esporte, já que o próprio bem-estar que ele traz já é uma recompensa. “Um estilo de vida ativo está associado à menor possibilidade de desenvolver uma série de doenças crônicas, cardiovasculares, pulmonares, metabólicas, emocionais, alguns tipos de câncer, entre outros”, explica o especialista em cardiologia e medicina do esporte e presidente da Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte (SBME), Dr. José Kawazoe Lazzoli.

Para a saúde da mulher, os efeitos não poderiam ser diferentes. Embora seja recomendada a prática de exercícios por toda a vida, ela é especialmente importante durante a menopausa, quando o organismo começa a perder o efeito “protetor” cardiovascular proporcionado pelos hormônios femininos. As atividades físicas podem prevenir doenças comuns na fase pós-menopausa, como hipertensão arterial, cardiopatia isquêmica, diabetes e a osteoporose, além de atenuar os sintomas da menopausa. E para quem sofre de tensão pré-menstrual, uma boa notícia: “Embora o mecanismo não seja claro, as mulheres fisicamente ativas têm menos sintomas na TPM”, diz o médico.

O Dr. Lazzoli revela que a escolha da atividade física depende do objetivo, do gosto pessoal e da estrutura física da mulher. “O que interessa mesmo é ela ser ativa o maior número de dias da semana possível. Ela pode praticar dança duas vezes por semana, correr outras duas e nadar outras duas vezes por semana: o importante é uma atividade aeróbica diária”, salienta.

O especialista destaca a prática de exercícios de fortalecimento muscular, que aumentam a massa óssea e diminuem a possibilidade de osteoporose. No caso desse diagnóstico já existir, os exercícios ajudarão no tratamento. Quanto à frequência das atividades físicas, ele recomenda exercícios aeróbicos todos os dias, por pelo menos 30 minutos. Já os de fortalecimento muscular devem ser feitos no mínimo duas vezes por semana.

A caminhada é o exercício aeróbico mais comum. “É uma atividade natural, não necessita de aprendizado e pode ser realizada em qualquer ambiente”, conta Dr. Lazzoli, que indica ter cuidado especial com a alimentação e hidratação. Ele também sugere a experimentação de outros tipos de exercícios aeróbicos para não criar monotonia e facilitar a tarefa de ser ativa todos os dias da semana.

*Reportagem publicada no site do Guia da Farmácia (março/2010)

Anúncios
Esse post foi publicado em Saúde, Veículo: Guia da Farmácia. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s