Vitamine as vendas*

Saiba como sua loja pode explorar a categoria de vitaminas e polivitamínicos

Por Lucie Ferreira

Em busca de bem-estar e qualidade de vida, muitos consumidores recorrem ao uso de vitaminas e polivitamínicos. De acordo com dados do IMS Health, eles movimentaram mais de R$ 900 milhões em 2009.

Diante do cenário promissor, o ponto de venda deve estar preparado para explorar as vendas da categoria e para atender clientes em busca desses produtos que, ao contrário dos demais medicamentos isentos de prescrição, têm lugares próprios nas gôndolas. Para o presidente do Popai Brasil, Chan Wook Min, como muitas vezes a compra de vitaminas e polivitamínicos é feita por impulso, é preciso evidenciar esses itens nas prateleiras. A utilização de stoppers e faixas de gôndolas é fundamental para destacá-los. No balcão, um lembrete chama a atenção do shopper para a categoria. “Existe o poder de mudar os hábitos do consumidor, nas visitas dele ao ponto de venda, por meio da comunicação”, destaca. Outra dica é colar no display de balcão amostras de cada variante, ao invés de utilizar somente a imagem. “A amostra é mais forte do que a foto do produto”, justifica.

Campanhas especiais também são um forma eficiente de evidenciar vitaminas e polivitamínicos, sendo as pontas de gôndola o lugar ideal para a categoria. Mas atenção: a campanha não pode ser longa, durando no máximo um mês. E se ela for de polivitamínicos, por exemplo, pode trabalhar os temas “trabalho e estresse”, geralmente relacionados ao consumo desses itens. Por isso, a visualização do produto e das suas características é muito importante. “O consumidor precisa da informação, que é uma prestação de serviço”, esclarece Chan Wook Min.

Quanto aos picos de vendas da categoria, eles variam de acordo com o tipo de produto. Os polivitamínicos, por exemplo têm incremento no período que marca o fim das férias e a volta ao trabalho. “Nessa época, aumenta a procura pelo bem-estar para o cuidado com a própria saúde”, comenta o profissional.

No caso das vitaminas C, explore a sazonalidade. No inverno, a venda desses itens aumenta, mas você pode começar uma campanha antes mesmo da chegada da estação, explorando a importância de fortalecer o organismo com antecedência para prevenir gripes e resfriados.

*Reportagem publicada no site Guia da Farmácia (março/2010)

Anúncios
Esse post foi publicado em Negócios, Veículo: Guia da Farmácia. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s